Psicologia transcultural: as expressões faciais não são universais

Por mais de um século, acreditou-se que todos os seres humanos expressam emoções básicas com as mesmas expressões faciais.